O jato d’água pode cortar praticamente tudo com vantagens consideráveis em vários setores. A indústria de alimentos, por exemplo, pode usar essa tecnologia proporcionando uma maior higiene no processo de fabricação. A indústria de telhas, caixas d’água e isolantes térmicos, que utiliza o amianto como matéria prima (produto altamente cancerígeno), pode ter no corte com jato d’água a solução para os problemas gerados pela inalação do pó resultante do processo de produção. O isopor, que produz um gás tóxico no corte a quente, também encontra no jato d’água uma opção alternativa promissora.
O método baseia-se num jato d’água a uma pressão da ordem de quatro mil atmosferas, o equivalente a um ônibus lotado totalmente apoiado num dedal de costura. Com o auxílio de um intensificador de pressão, a água é colocada a alta pressão e forçada a passar por um furo com diâmetro de aproximadamente um décimo de milímetro, para atingir uma velocidade equivalente a três vezes a do som — 1.000 metros por segundo. Através dessa velocidade e diâmetro de jato, a água se torna uma ferramenta de corte potente capaz de perfurar praticamente tudo, pois cria uma tensão muito elevada, causando a ruptura das fibras ou trincas no material.

Veja abaixo fotos de alguns materiais e serviços já executados pela JetPower.

      Granito            Vidro          Vidro e Mármore
      (60mm)             (6mm)           (12mm e 10mm)